PROPAGANDA ESCRITA: Uma Forma de Desenvolver a Competência Leitora

WRITTEN PROPAGANDA: A Way to Develop Reading Competence

  • Gleiciane Rosa Vinote Rocha
  • Pedro Paulo Vieira da Silva Júnior

Resumo

O problema que acompanha o tema desta pesquisa é que tipos de abordagens de ensino do gênero discursivo propaganda escrita são eficazes para desenvolver a competência de leitura dos alunos, diferenciando-os das abordagens que são apenas pretextos para o ensino de regras gramaticais. Para isso, tem como objetivo geral traçar a diferença entre uma abordagem de ensino do gênero propaganda escrita no Ensino Fundamental II capaz de desenvolver a competência leitora dos alunos e uma abordagem de ensino apenas como pretexto para trabalhar regras gramaticais. Primeiramente, foi feita uma pesquisa bibliográfica. Posteriormente, serão propostas atividades capazes de desenvolver a capacidade leitora dos alunos por meio do gênero discursivo propaganda escrita, baseando em Bakhtin (1952/1953) e Lopes-Rossi (2005) como referenciais teóricos.


Abstract


The problem that accompanies the theme of this research is that types of teaching approaches of the discursive genre written advertisement are effective in developing students' reading competence, differentiating them from the approaches that are just pretexts for teaching grammar rules. For this purpose, it has as general objective to draw the difference between a teaching approach of the genre propaganda written in Elementary School II able to develop students' reading competence and a teaching approach only as a pretext for working grammar rules. First, a bibliographical research was done. Subsequently, activities capable of developing the students' reading capacity through the discursive genre will be proposed, based on Bakhtin (1952/1953) and Lopes-Rossi (2005) as theoretical references.

Referências

LOPES-ROSSI, Maria Aparecida Garcia.: A formação do leitor proficiente e crítico a partir de características específicas dos gêneros discursivos. Revista PUC, São Paulo, 2005.

LOPES-ROSSI, Maria Aparecida Garcia. Leitura de propaganda impressa. Anais do 6o Seminário de Pesquisas em Lingüística Aplicada (SePLA), Taubaté, p. 417 a 430, 2010.

MELO, Edisônia de Souza Oliveira. Propaganda impressa: prática de leitura e produção textual em perspectiva discursiva. 2006. 124 folhas. Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação – Mestrado em Estudos de Linguagem, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, 2006.

NATH, Margarete Aparecida; COSTA-HUBES, Terezinha da Conceição. Sequência didática: a propaganda em sala de aula. Línguas e Letras, Vol. 9, nº 16, - p. 67-83, 1º Sem. 2008.

PARISOTTO, Ana Luzia Videira; TREVIZAN, Zizi. Formação docente e ensino de leitura na educação fundamental. In: SOUZA, Renata Junqueira de; LIMA, Elieuza Aparecida de (Orgs.). Leitura e cidadania: ações colaborativas e processos formativos, 1. ed., Campinas (SP): Mercado de Letras, 2012.

REIS, Evelize M. M. C. Propagandas impressas, educação e leitura. Revista Prolínguas, Volume 5, Número 2, p. 130-142, jul/dez de 2010.

SCHNEUWLY, B.; DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. São Paulo: Mercado de Letras, 2004.
Como Citar
ROCHA, Gleiciane Rosa Vinote; JÚNIOR, Pedro Paulo Vieira da Silva. PROPAGANDA ESCRITA: Uma Forma de Desenvolver a Competência Leitora. Episteme Transversalis, [S.l.], v. 9, n. 2, set. 2018. ISSN 2236-2649. Disponível em: <http://revista.ugb.edu.br/index.php/episteme/article/view/985>. Acesso em: 21 nov. 2018.