TRATAMENTO DE EPILEPSIA REFRATÁRIA COM AUXILIO DE CANABIDIOL

  • Arielly Cristina de Azevedo Villarinho Vimar
  • Mariana de S. Vieira

Resumo

Os medicamentos à base de canabidiol tem sido a esperança de muitos portadores de epilepsia cujo tratamento convencional não surte efeito, estes pacientes são classificados como refratários. Porém, no Brasil, ainda hoje há muita dificuldade para esses pacientes conseguirem fazer seu tratamento, por conta da burocracia envolvida na obtenção da licença de compra, além da importação, onde o custo para obtenção desses medicamentos ainda é elevado e nem todos tem acesso ao mecanismo de compra. Com isso, medidas sociais vêm surgindo como esperança para quem necessita do tratamento. Resultados de estudos clínicos vêm comprovando a eficácia do canabidiol no tratamento de síndromes refrataria. O presente artigo vem fazer uma revisão bibliográfica acerca da Cannabis sativa, seus componentes e formas de uso na medicina. Ainda faz uma menção sobre as formas de obtenção da medicação por vias legais e faz comparações entre os medicamentos convencionais e os a base de CBD no tratamento de pacientes refratários.

Como Citar
VIMAR, Arielly Cristina de Azevedo Villarinho; VIEIRA, Mariana de S.. TRATAMENTO DE EPILEPSIA REFRATÁRIA COM AUXILIO DE CANABIDIOL. Simpósio, [S.l.], n. 8, fev. 2020. ISSN 2317-5974. Disponível em: <http://revista.ugb.edu.br/ojs302/index.php/simposio/article/view/1951>. Acesso em: 28 jan. 2021.