VOLTA REDONDA COMO ÁREA DE SEGURANÇA NACIONAL

  • Carlos Renato Dias do Lago
  • Lucas de Oliveira Costa
  • Natan de Sousa da Silva

Resumo

A cidade de Volta Redonda, localizada no sul do Estado do Rio de Janeiro, é popularmente conhecida por ser a cidade na qual a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) foi construída, no ano de 1946, após o ex-presidente Getúlio Vargas assinar o decreto-lei determinando sua criação. Atraindo pessoas de estados vizinhos, a CSN é uma das maiores siderúrgicas do país, com grande relevância para Volta Redonda e para o país, gerando empregos e fazendo parte do cotidiano dos que ali residem. Volta Redonda não foi uma cidade que se edificou em torno da CSN por um acaso, a escolha deste território para sediar a siderúrgica foi pautada em fatores específicos, como a presença de um terreno plano, grandes reservas de água, uma linha férrea e sua localização geográfica, concretizando sua importância logística. A CSN, atuou com base no modelo arquitetônico de company-town, no qual exercia grande influência no espaço físico local: a ocupação da cidade-nova, área central da cidade controlada pela empresa, obedecia a hierarquia reinante no interior da usina da CSN, com bairros mais nobres voltados para o alto escalão, bairros de classe média e bairros operários para os funcionários de baixo escalão. Tamanha importância da CSN para a cidade e principalmente para o país, culminaram com a decretação da cidade como área de segurança nacional em 1976. Volta Redonda foi nomeada como uma área de segurança nacional, graças ao terceiro ato institucional (AI-3) emitido em 1966, que significou um maior controle do regime militar sobre a cidade.

Como Citar
RENATO DIAS DO LAGO, Carlos; DE OLIVEIRA COSTA, Lucas; DE SOUSA DA SILVA, Natan. VOLTA REDONDA COMO ÁREA DE SEGURANÇA NACIONAL. Simpósio, [S.l.], n. 10, abr. 2022. ISSN 2317-5974. Disponível em: <http://revista.ugb.edu.br/ojs302/index.php/simposio/article/view/2536>. Acesso em: 22 maio 2024.