AULA PRÁTICA PARA CRIAÇÃO DE UM PROCEDIMENTO PADRÃO

  • UGB FERP UGB
  • Flávio Pires

Resumo

APRESENTAÇÃO (DADOS DE IDENTIFICAÇÃO)


De uma forma geral os alunos que ingressam no curso tem o conhecimento da realidade do chão de fábrica e dos seus problemas cotidianos. Ter essa experiência, seja por intermédio de estágios, de visitas ou por simulação em laboratórios/exercícios práticos é fundamental para a preparação desse profissional para o mercado de trabalho. A partir dessa necessidade, foram desenvolvidas aulas práticas que simulam a rotina de um processo produtivo com seus problemas e soluções mais comuns, de forma a conseguir os melhores resultados em termos de qualidade, produtividade e custos. Nesse contexto, no primeiro semestre de 2013 foi desenvolvida uma aula prática de criação do Procedimento Padrão, que é uma metodologia que permite definir a forma mais otimizada para execução de uma tarefa num posto de trabalho. Essa aula prática foi desenvolvida na disciplina Contextualização em Engenharia de Produção I, e destaca-se a efetiva participação dos graduandos na simulação.


 


OBJETIVOS DA AÇÃO


Preparar melhor os alunos de Engenharia de produção para o mercado de trabalho, fazendo com que eles estejam familiarizados com um processo produtivo, seus problemas e suas soluções com base nas ferramentas e métodos usados nos sistemas de produção enxuta.


 


CONTEÚDOS DOS TRABALHOS


Em outras palavras, o Procedimento Padrão é um documento que expressa o planejamento de um trabalho repetitivo que deve ser executado para o alcance da meta padrão. O desenvolvimento desse exercício se justifica pelos desafios que os engenheiros encontrarão no mercado de trabalho:


  • Baixa produtividade industrial do Brasil.

  • Dificuldade em desenvolver setores mais dinâmicos.

  • Melhoria da qualidade na formação do Engenheiro de Produção.

A aula foi desenvolvida no laboratório de processos


 

Como Citar
FERP, UGB; PIRES, Flávio. AULA PRÁTICA PARA CRIAÇÃO DE UM PROCEDIMENTO PADRÃO. Simpósio, [S.l.], n. 2, out. 2017. ISSN 2317-5974. Disponível em: <http://revista.ugb.edu.br/ojs302/index.php/simposio/article/view/295>. Acesso em: 20 ago. 2022.